Centro de Reabilitação e Inclusão Profissional

Centro de Reabilitação e Inclusão Profissional

O Centro de Reabilitação, Capacitação e Inclusão Profissional teve início em 2011 para atender aos adolescentes, jovens e adultos com idade superior à 16 anos, com deficiência. O foco do centro é incluir profissionais com deficiência no mundo do trabalho tornando-os o mais independente possível, permitindo a vivência da realidade profissional e a geração de renda. Também é realizado o trabalho de conscientização e incentivo das empresas e empregadores a respeito da participação plena e efetiva das pessoas com deficiência de acordo com o impacto sobre sua funcionalidade. Além da capacitação e inclusão, busca-se através deste projeto desenvolver o programa de habilitação profissional para o adolescente e adulto com deficiência.

A atuação se dá em três eixos:

Serviço de Apoio à Inclusão

Palestra  de sensibilização, mapeamento de oportunidades de trabalho e análise ocupacional do posto de trabalho. A inclusão no mundo do trabalho acontece através de parcerias realizadas com empresas locais que entendem a importância da inclusão da pessoa com deficiência no trabalho.

Reabilitação Profissional

O principal objetivo é de tornar possível a passagem da pessoa com deficiência, de uma situação de virtual inatividade, para uma de trabalho competitivo ou especial, como condição fundamental para a inclusão na sociedade.

Capacitação Profissional

Visa a qualificação profissional de pessoas com deficiência, que se encontram excluídas do mundo do trabalho e necessitam e/ou querem se capacitar e qualificar em áreas específicas para as oportunidades oferecidas no mercado; através de cursos profissionalizantes com 200 horas totais oferecidos semestralmente pela ADEFIP em parceria com a ONG Ser Especial.

Fanfarra

Além de proporcionar momentos de descontração, lazer e recreação, a atividade de fanfarra proporciona o desenvolvimento de habilidades como coordenação motora fina, coordenação rítmica, percepção musical, percepção rítmica, atenção e memorização. Esta atividade caracteriza-se como atividade sociocultural na qual o paciente em tratamento de reabilitação que se submete a sua prática usufrui de uma atividade em grupo a qual proporciona ao praticante o enriquecimento da cultura musical e a musicalidade. Com isso agregamos atividades de prática Musical à rotina de tratamento dos Pacientes que frequentam a Associação dos Deficientes Físicos de Poços de Caldas – ADEFIP, e ainda atingimos os seguintes objetivos: Proporcionar momentos de descontração e lazer no ambiente institucionalizado; Desenvolver a percepção rítmica; Realizar apresentações dentro e fora do ambiente institucionalizado; Estimular as habilidades percepto-cognitivas; Estimular a interação interpessoal; Promover o desenvolvimento de habilidades musicais; Desenvolver e/ou resgatar a musicalidade.

GALERIA DE IMAGENS

Doe para a ADEFIP e faça parte dessa história!

 


Doar R$ 10,00
Doar R$ 25,00
Doar R$ 50,00
Doar Outro valor