Centro de Reabilitação Multidisciplinar

Centro de Reabilitação Multidisciplinar

O Centro de Reabilitação Multidisciplinar realiza atendimentos em crianças, jovens, adultos e idosos nas áreas de: fisioterapia, psicologia, terapia ocupacional, fisioterapia com recursos musicais, fonoaudiologia, psicopedagogia, serviço social, educação física adaptada, enfermagem e médico fisiatra.

Serviço Social

Presta atendimento à pessoa com deficiência e seus familiares, fornecendo suporte social em todas as áreas do Centro de Reabilitação Multidisciplinar, sendo a ponte entre a Associação e a família e responsável inclusive pela orientação e encaminhamento de pacientes.

Fisioterapia

A equipe de fisioterapeutas são responsáveis pela melhora física do paciente, trabalhando diretamente com as suas limitações motoras e melhorando a amplitude de seus movimentos, seu equilíbrio e coordenação, visando à reabilitação motora e respiratória com objetivo funcional e consequente melhora da qualidade de vida.

Pedagogia / Psicopedagogia

O  setor de pedagogia é responsável por auxiliar os pacientes com dificuldade de aprendizagem, auxiliando no seu desenvolvimento educacional, tendo como objetivos estimulação cognitiva/pedagógica avaliar e trabalhar as dificuldades de aprendizagem e praticar a inclusão. Este trabalho visa desenvolvimento pleno do indivíduo considerando aspectos afetivos, emocional, social, cultural e cognitivo, visando a busca pela autonomia de pensamentos, ação e independência.

Fisioterapia com recursos musicais

A música para fins terapêuticos vem cada vez mais sendo usada, como também comprovada cientificamente sua eficácia neste procedimento. O fisioterapeuta capacitado para usar a música em seu ambiente, explora os sons, instrumentos, canto, sempre com objetivo fisioterapêutico através do despertar do desejo. Levando em consideração o conceito da Identidade Sonora-ISO de cada um, que é o que favorece o uso da música em qualquer processo de aprendizagem, inclusive motora. É importante não nos restringirmos a atividades puramente motoras, e sim as atividades terem significado funcional para o indivíduo. Com o uso da música temos a oportunidade de intervir com o paciente de forma holística, assim se tornando uma grande ferramenta de trabalho para a reabilitação.

Medicina e Enfermagem

O Médico Fisiatra é o especialista em reabilitação dentro da Instituição, o trabalho envolve prescrição de medicamentos, órteses, cadeira de rodas e também o tratamento que o paciente necessita. Além das prescrições é feito um acompanhamento periódico de cada paciente. O enfermeiro desempenha o papel de orientador sobre cuidados básicos da vida diária fundamentais para melhorar a qualidade de vida envolvendo o paciente e a família.

Terapia Ocupacional

Com o objetivo de contribuir com o desenvolvimento, manutenção e recuperação do desempenho ocupacional do indivíduo nas diversas áreas da vida visando o favorecimento da independência e autonomia do paciente. Trabalha as funções de membros superiores, integração sensorial e as atividades de vida diária.

Psicologia

O setor de psicologia tem como objetivo o bem-estar do paciente e sua família, para que os mesmos lidem melhor com suas angústias, fantasias e medos. Busca o fortalecimento psíquico, maior conscientização de limites e potencialidades.

Fonoaudiologia

O trabalho do setor de fonoaudiologia envolve principalmente atuação nas áreas  de disfagia neurogênica (avaliação, diagnostico, reabilitação e gerenciamento), linguagem oral e escrita (avaliação e reabilitação), comunicação suplementar e/ou alternativa e alterações de motricidade orofacial.

Equoterapia

É um método terapêutico e educacional, que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem multidisciplinar, buscando o desenvolvimento biopsicossocial das pessoas com deficiência. A equoterapia auxilia o paciente a se organizar em relação ao seu espaço, desenvolver a sequencialidade de seus atos até montar, aprimorar percepções sensoriais, desenvolver o equilíbrio, a postura, a lateralidade, a motricidade, o esquema e a conscientização corporal e o enriquecimento de seu vocabulário; para que ocorra aprendizagem é necessário que haja interação entre o indivíduo e seu ambiente, sendo que a qualidade dessa interação vai afetar diretamente a aprendizagem.

Grupos

Grupo de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Atendimentos em grupo com caráter preventivo e proativo, pautado na defesa e afirmação dos direitos e no desenvolvimento de capacidades e potencialidades, proporcionando recursos para o enfrentamento de vulnerabilidade social. Voltado para jovens, adultos e idosos.

Grupo de Estimulação Pedagógica e Familiar (GEPEF)

Grupo formado por psicopedagoga e psicóloga que atendem crianças com idade acima de 3 anos. Tem como objetivo o desenvolvimento social, afetivo, intelectual e físico, através de um trabalho pedagógico com participação dos pais.

Grupo de Estimulação Precoce (GEP)

Grupo formado por fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, fonoaudióloga e psicóloga que atendem crianças de 0 à 3 anos de idade com o objetivo de estimular o desenvolvimento global e orientar as mães com os cuidados em casa.

GALERIA DE IMAGENS

Doe para a ADEFIP e faça parte dessa história!

 


Doar R$ 10,00
Doar R$ 25,00
Doar R$ 50,00
Doar Outro valor